Papo de Fotógrafo Podcast

Menu

Nem sempre inspirados!

5 de dezembro de 2013
_template

“Eu não saio de casa inspirado para fotografar um casamento, quem gosta de deixar a família em casa e ir trabalhar por 12h sem descanso? Quem não gostaria de estar em casa, com a esposa assistindo um filme, ou com os amigos assistindo uma partida de futebol, ou até estar em uma festa se divertindo e comendo salgadinhos a vontade?”

Depois do episódio que gravamos com o Robison Kunz, vi que não sou só eu que as vezes saio de casa com esse pensamento. Não nos julgue mal, mas é verdade, é difícil sair inspirado de casa.

Fotografar casamento não depende somente da inspiração pessoal, depende da vibe do dia, da noiva, do noivo, do casal, dos familiares, dos amigos, das pessoas que estão envolvidas. Nós, fotógrafos não fazemos milagres, as fotografias não nascem em nossa câmera, elas podem estar ótimas tecnicamente mas não terem emoção nenhuma, porque nossa inspiração está pronta a capturá-las e não criá-las.

Como o próprio Robison disse: “As vezes saio bêbado de uma festa, mesmo sem ter colocado uma gota de álcool na boca!”. E nós, fotógrafos temos que nos embebedar de emoções e sentimentos para conseguir transmiti-las através das nossas fotografias, e isso só acontece quando eles estão presentes ao nosso redor.

A umas duas semanas atrás, fotografei meu último casamento do ano, já com o sentimento do dever cumprido, pensando já nas férias, finais de semana com a família … Não saí inspirado, saí já pensando no momento de voltar para casa. Mas ao chegar no making-of e ver o sorriso da noiva e a alegria e emoção de sua mãe, me inspirei em fazer daquela noite a mais especial, mesmo que eu não seja o melhor fotografo do mundo, e não possa lhe dar 1.000 fotografias fantásticas, me propus a fazer as melhores imagens para ela lembrar do dia mais feliz de sua vida, ou melhor das suas vidas, sua e do seu futuro marido.

alinekaiocasamento_002

E como sei que cumpri a minha missão com êxito? A fotografia abaixo, foi feita enquanto eu esperava a equipe guardar os equipamentos, e decidi ficar mais 2 minutos, apenas por ficar, mas a noiva veio em minha direção, sorrindo, e me disse: “Muito obrigada por tudo!”.

alinekaiocasamento_001

Sem mais,
Rafael Petrocco.

E o que a noiva escreveu quando leu essa mensagem publicada no facebook:
“Parabéns Rafael Petrocco e toda a equipe!! Fiquei emocionada ao ler e o sentimento foi o mesmo desse dia FELICIDADE e PLENITUDE! Sucesso pra vcs sempre e mto obrigado mais uma vez!!!” – Aline Garrido

* Trabalho realizado pela Riguetti Fotografia e Cinema.

Os comentários estão desativados.