Papo de Fotógrafo Podcast

Menu
Newborn Photo Conference

Simone Silvério explica o fundamental sobre ensaios de bebês.

23 de março de 2015
StudioTrend_2014-02-24_14185_Isabella_0672

Em sua 5ª edição, o Newborn Photo Conference vai além da fotografia de recém-nascidos e inclui na sua programação palestras sobre outros produtos que quem está no ramo pode oferecer aos clientes, desde a fotografia de gestantes até os ensaios de família, passando pelo registro de partos, newborn e acompanhamento de bebês.

A convidada para compartilhar tudo o que sabe sobre esse último tema é ninguém mais do que Simone Silvério, consagrada como uma das pioneiras da fotografia de recém-nascidos no Brasil, sócio-fundadora da ABFRN (Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém-Nascidos) e membro da NAPCP (National Association of Professional Child Photographers). Palestrante pela terceira vez no Newborn Photo Conference (saiba mais aqui), Simone se diz contente por participar, pela primeira vez, com uma nova abordagem: “Foi uma evolução natural para mim, assim como a evolução da minha carreira. Quando eu comecei, a minha intenção era trabalhar só com recém-nascidos, e depois fui fotografar bebês também. Nas palestras e cursos, aconteceu o mesmo”, diz.

“Aprender a fotografar bebês é importante para fidelizar o cliente. Você já tem um cliente que já te conhece, que já gosta de você porque você fez um trabalho maravilhoso de recém-nascido. Quando ele for te procurar para fazer um ensaio de seis meses, você vai falar ‘não, eu não faço’? Você está jogando seu cliente no lixo! E eu ainda atendo as mães que trazem os bebês com três meses, que queriam ter feito o ensaio de recém-nascidos, mas os médicos não deixaram, por exemplo”, completa Simone.

StudioTrend_2013-12-05_131007_Isabella_0577

Fases do bebê

Na sua palestra, Simone explica quais são as principais fases de desenvolvimento dos bebês e o que é possível fazer em cada uma delas. “É diferente você fotografar um bebê de três meses e um de seis meses. O que dá para fazer? Com seis meses ele senta ou não senta? Com três meses ele engatinha, se apoia ou não se apoia? São tipos diferentes de poses e os cuidados que você tem que ter”, explica Simone.

Simone abordará, entre outros assuntos, a idade na qual idade o bebê começa a sorrir, quando ele começa a reconhecer (e estranhar) pessoas e quando começa a olhar para os objetos. Para cada uma dessas épocas, ela explicará as técnicas que o fotógrafo pode utilizar e os resultados que podem ser obtidos. ”É claro que cada bebê é de um jeito e tem um desenvolvimento que pode estar acima ou abaixo da média, mas existe uma média e a gente se programa pra trabalhar mais ou menos em cima disso”, pondera Simone.

A fotógrafa conta que prefere oferecer às suas clientes o acompanhamento nesses períodos de troca de fases, pois é justamente nesses momentos que se pode notar transformações mais significativas nas crianças. “Eu proponho ensaios a cada aos três, seis, nove e doze meses ou então quatro, oito e doze meses. É claro que o bebê muda todos os dias mas, se você fizer um ensaio mensal, pode ficar meio repetitivo”.

StudioTrend_2014-02-14_14042_Eduardo-0137\

Desafios da carreira e dicas da fotógrafa

Durante a palestra, Simone também compartilha a sua experiência, dando dicas de como lidar com os principais desafios de fotografar crianças. Ela aponta a boa construção de um bom relacionamento com o bebê e com a mãe como um dos principais pontos de seu trabalho: “Não tem muita regra, diferente dos bebês recém-nascidos, que você tem toda uma técnica a seguir. Com bebês um pouco mais velhos, o mais importante é você estar tranquila, ter um ambiente legal. Os bebês são muito sensíveis, se você está mal-humorada, agitada, nervosa ou irritada, quando o bebê chegar aqui, ele não vai com você. O mais importante é ter jeito, paciência, entender que a foto não vai sair na hora que você quer, a foto vai sair na hora que o bebê estiver tranquilo. Um ensaio de bebês dura até quatro horas, às vezes, porque o bebê fica cansado e precisa dormir, dar mamadeira”.

StudioTrend_2014-02-24_14185_Isabella_0672

“Outra dica é ter uma assistente legal com você que seja simpática, que se dê bem com crianças. É preciso conhecer um pouco o universo das crianças, o que eles gostam, o que chama a atenção. Então tem que ter o filme da moda – e as modas são efêmeras! Antes era a Galinha Pintadinha (agora ninguém mais gosta da Galinha Pintadinha), veio a Peppa Pig e agora tem uma nova. Tem que ter os vídeos, os desenhos, eu tenho aqueles bichinhos de feltro que você coloca na lente, para chamar a atenção. Você tem que gostar e conhecer o universo dos bebês, estar envolvida. E, obviamente, tem que ser verdadeiro. Se não for verdadeiro, não sai”, completa.

Segundo Simone, um último ponto essencial do trabalho é a criação de cenários criativos e, principalmente, seguros para os bebês. “Eu fico o tempo todo ligada nessas coisas. Em janeiro eu estava na praia e eu passei na frente de uma loja que tinha uma cadeirinha de praia de bebês. Eu parei o carro na hora e falei: ‘Isso aqui dá para fazer uma foto!’. Aí eu já fui atrás de um biquíni, uma touquinha e um guarda-sol. Estou procurando o tempo todo peças que podem criar um cenário interessante, bonito e que não fique repetitivo”, conta a fotógrafa.

StudioTrend_2014-10-09_14297_Valentina_0660

Newborn Photo Conference

Para saber aprender o essencial da fotografia de bebês com Simone Silvério, participe do Newborn Photo Conference, que ainda conta com outras 12 palestras com os melhores fotógrafos nacionais e internacionais. Dessa vez, além dos ingressos presenciais, o IIF possibilita o acompanhamento online do evento, com direito ao acesso ao vivo, acesso às gravações do evento (durante 60 dias), workbook e certificado. Não perca!

Informações

Newborn Photo Conference
Data: 20, 21 e 22 de abril de 2015
Local: Teatro Gazeta
Avenida Paulista, N 900 – Bairro: Bela Vista
São Paulo | SP
Vendas: (11) 3021-3335
http://newbornphotoconference.com.br/2015/matricule-se/

Os comentários estão desativados.