Papo de Fotógrafo Podcast

Menu

Fotografia Divertida

7 de agosto de 2018

Como lidar com birras e crianças que não curtem serem fotografadas?

Fotógrafos de família com certeza já passaram, por alguma situação onde necessitaram buscar diferentes alternativas para conseguir fotografar uma criança. Em todas as idades existem crianças que não gostam de ser fotografadas, mas as mais desafiadoras são as de 2 e 3 anos, pois nessa idade, as vezes apresentam birras. Como lidar com essas situações? Como conquistar a garotada e garantir lindos cliques para as famílias?

É importante conversar com os pais antes de agendar a sessão, CONHECER seu mini modelo é primordial para conseguir driblar os desafios que podem surgir durante as sessões.

Na conversa com a família, pergunte:

– Sobre a rotina da criança, principalmente sobre os horários de alimentação e sono. Sono e fome são fatos que você não deve competir. NUNCA marque a sessão durante o horário de sono. Sempre tenha por perto algo que a criança goste de comer (ou peça para que a mãe traga algo, caso a criança tenha alguma restrição à alimentação).
– Se a criança tem medo de algo. Já aconteceu comigo da criança ter medo de fogos, ela chegou no estúdio super tranquila, posando e brincando, mas no primeiro click, junto veio o Flash, a criança relacionou a luz aos fogos dos quais tinha tanto medo, a sessão acabou ali. Eu não tinha essa informação, se eu tivesse essa situação seria evitada, com fotos ao ar livre, com luz natural ou até mesmo uma fonte de luz continua no estúdio poderiam resolver.
– Certifique-se sobre os brinquedos que a criança gosta, peça à mãe que traga alguns.
– Saiba quais são as musicas preferidas da criança e já deixe preparado para quando ela chegar ao estúdio.
– No diálogo com os pais, solicite a eles que evitem pedir as crianças olhar para a câmera.

Receba a criança para a sessão sem a câmera no pescoço, primeiro interaja com ela, convide-a para brincar, converse sobre música favorita, algumas crianças são mais tímidas então você diz que vai tentar adivinhar e coloca a trilha sonora que a mamãe já te ajudou a escolher.

Conquistou a criança, agora inicie a sessão. Pegue a câmera, mas continue brincando, conversando com ela, faça perguntas sobre o que a criança gosta de fazer, se for uma sessão pré aniversário pergunte sobre a festa, qual o tema, onde vai ser, o que vai ter para brincar, se vai ter bolo, brigadeiro. As carinhas que fazem quando pensam são lindas de serem fotografadas, a reação quando você diz que também gosta de algo que ela goste são incríveis também.

Evite pedir que sorriam, saiba o que faz a criança sorrir e provoque esses momentos, serão naturais e muito mais bonitos do que os forçados. Os pais sabem o que faz os filhos sorrirem, eles podem te ajudar muito. Manter os pais por perto é também interessante, proporciona segurança às crianças e ajuda que elas sintam-se a vontade enquanto fotografadas.

Se tiver mais de uma criança, proponha competições entre elas, se não entre você e a criança: quem grita mais alto, quem faz a careta mais louca; fotografe os gritos e caretas, mas fique atento ao momento, pois logo após, na maioria das vezes elas soltam gargalhadas deliciosas!

A sessão deve ser realizada com calma e muita PACIÊNCIA! Em alguns casos, após esgotadas todas as alternativas e a criança ainda de recusar a ser fotografada, uma recompensa é bem vinda, mas precisa partir dos pais e não do fotógrafo. Alguns papais logo após o ensaio levam a criança comer algo que gostam…

Em casos extremos onde nada der certo, entregue o brinquedo favorito e fotografe-a brincando. Se mesmo assim não funcionar, remarque a sessão, as vezes é apenas um dia ruim. Para crianças que não gostam de ser fotografadas o ideal é fotografa-las em ambientes onde elas sintam-se a vontade, fazendo atividades que gostem. Nesses casos influencie o mínimo possível na cena. Deixe a criança interagir com os pais e fotografe esse carinho e momentos gostosos entre eles. Tente ser o mais invisível possível.

Fotografia infantil exige muita PACIÊNCIA e AMOR. Mergulhe no mundo desses pequenos. Conheça o que eles gostam, assista desenhos, saiba quais são os brinquedos mais desejados e se intere quais são as preferências deles. Todo dia surge algo novo e conhecer o mundo infantil facilita e muito seu relacionamento com eles. Estudar sobre o mundo infantil, suas fases e particularidades vai te ajudar a ter melhores resultados em suas fotos.

Acima de tudo DIVIRTA-SE e DIVIRTA seu mini modelo, transforme a sessão em um momento leve e divertido, proporcione a essa família não apenas lindas fotos, e sim uma experiência incrível!

—————

Texto e imagens: Carol Guerra
Site: www.carolguerrafotografia.com.br
Instagram: www.instagram.com/carolguerrafotografia
Facebook: www.facebook.com/CarolGuerraFotografia

%d blogueiros gostam disto: